Translate

Mostrando postagens com marcador GAAP. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador GAAP. Mostrar todas as postagens

31 maio 2016

Links

Lucros ajustados é sinal de mercado em queda?

A importância da análise de sensibilidade do risco para o Basileia II

Comparabilidade das demonstrações na transição para as normas internacionais no Brasil (via Vladmir)

Artigos inovadores tem impacto no longo prazo (viés contra a novidade na ciência) (Como as agências de fomento usam as citações de curto prazo, a distribuição de recursos prejudica as pesquisas inovadoras)

Nudge: Analisando os pedidos de doações dos candidatos a presidente dos EUA (continua aqui)

15 maio 2016

Números engraçados


Existe hoje uma grande preocupação dos reguladores com os resultados ajustados. Estes números não seguem os princípios contábeis exigidos pelos reguladores (Fasb, Iasb, CPC etc) e adivinhe? São denominados de “funny numbers” por alguns analistas por motivos óbvios: são realmente engraçados.

Os números engraçados geralmente excluem eventos, como efeitos de fusões, baixas contábeis e outros itens. Os administradores geralmente afirmam que estes números são mais informativos e que representam melhor a realidade da empresa que a contabilidade. Um levantamento entre as 500 empresas que compõe o SP 500, com as maiores empresas negociadas na bolsa de New York, 467 usaram nos últimos doze meses os funny numbers. Entre elas, 361 ou 77% tiveram um lucro por ação maior que os números da contabilidade. E dentre estas, 26 empresas transformaram números negativos em positivos. Entre estas empresas estão: Alcoa, AIG, ConAgra, Kraft, News Corp e Yahoo.

29 abril 2016

Medidas não financeiras

O uso de medidas fora dos padrões de contabilidade tem sido objeto de atenção por parte dos reguladores. Os dados a seguir explicam as razões:

Fonte: Adaptado daqui

28 fevereiro 2016

GAAP e Pro forma

Estes é um daqueles gráficos (via aqui) que dizem muito. De cor escura, o lucro por ação segundo as normas de contabilidade geralmente aceitas. Em 2015 temos uma redução no LPA em relação dos dois anos anteriores. Da cor mais clara, o lucro por ação segundo a informação considerada pela gestão como mais adequada, que recebe o nome de pro forma.

26 setembro 2013

Rir é o melhor remédio

Poxa, eu usei esta foto para ilustrar a postagem sobre o novo blog no pedaço. Mas tendo em vista a postagem exatamente anterior a esta, achei válido repetir. ;)

Entendeu o trocadilho? ;)

CPA Baby Bibs