Translate

Mostrando postagens com marcador namoro. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador namoro. Mostrar todas as postagens

18 março 2021

Pix como meio de paquera


A notícia já é um pouco antiga. Quando o Banco Central criou o meio de pagamento Pix, permitiu que o usuário mandasse suas informações e uma mensagem no comprovante de pagamento.  

Normalmente, essa mensagem serviria para uma breve descrição dosmotivos do pagamento, mas...

Mas o brasileiro na internet tem um humor todo peculiar e não demorou para aparecerem coisas como: “Coloquei uma chave pix aleatória na bio do meu Tinder e tem maluco me mandando dindin pelo meu número kkkkkkk” (@Manda_pedrosa). Ou ainda: “Não me mande flores, me mande um PIX. É assim que se paquera agora?”( @lillydearaujo).

Nas redes sociais, a modalidade já foi apelidada de “pixtinder” e seus adeptos de @pixsexuais (pessoas que se sentem atraídas por quem faz transferências financeiras por Pix). A ideia é que, ao se identificara pessoa do seu interesse, o indivíduo faça uma transferência bancária acompanhada por um galanteio(um convite para jantar, um elogio).

Ainda nas redes, nasceu uma tabela que relaciona valores financeiros ao nível de interesse da pessoa. Por exemplo, R$ 1 é igual um “adoro você”; R$ 2 vale um “te acho lindo” e um R$ 10 é um legítimo “quero um date”. Já um depósito de R$ 20 pode significar “te odeio, kkk”.

Como o Pix começou a ser usado como uma plataforma de paquera. Gilberto Amendola, O Estado de S.Paulo, 29 de janeiro de 2021

20 novembro 2019

Dados sobre namoro

Os dados abaixo me fizeram lembrar o Dataclisma. O primeiro gráfico mostra como as mulheres avaliam os homens:



As notas não seguem uma distribuição normal, mas uma distribuição distorcida à esquerda. Assim como Rudder apresentou no seu livro, as mulheres são rigorosas com sua avaliação, enquanto a distribuição das notas dos homens segue um padrão da normal.

O gráfico seguinte mostra que os encontros deixaram de ser através de amigos (linha azul) e cada vez mais são programados por um algoritmo (linha vermelha)

24 fevereiro 2019

Amor e Lucro

Os acionistas do Match Group receberam uma notícia de que a empresa teve crescimento de receita e o seu maior lucro anual, de 500 milhões de dólares. O Match é dono do Tinder e OkCupid.

Além de fazer uma grande diversificação nos seus produtos (Tinder U é um exemplo), o grupo está comprando todos os sites de relacionamentos possíveis: Match quer ter o monopólio do amor

Atualmente, 60% dos encontros amorosos originários em sites de namoros e aplicativos dos EUA tiveram sua origem em um dos aplicativos do grupo.

Uma pesquisa interna realizada pela empresa sugere que os solteiros usam uma média de quatro aplicativos de encontros simultaneamente; Match quer possuir todos eles.

O Tinder é o aplicativo de encontros mais baixado e de maior faturamento do mundo, gerando quase metade da receita da Match. O aplicativo adicionou 1,2 milhão de usuários no ano passado, dobrou sua receita e está expandindo internacionalmente, inclusive na Índia, Japão e Coréia do Sul. O Tinder Gold e o Tinder Plus, que oferecem recursos como curtidas ilimitadas e melhor visibilidade do perfil por uma taxa, estão gerando dinheiro.

23 agosto 2018

Algoritmo do amor

Na coluna de Fernando Reinach, publicada no Estado de S Paulo do sábado, o biológo comenta uma pesquisa sobre o encontro entre casais.

A formação de pares entre humanos não é um processo randômico. Apesar da diversidade de raça, nível educacional e classe social, a maioria dos casamentos ocorre entre semelhantes.

Usando dados de sites de namoro, cientistas analisaram as mensagens encaminhadas e recebidas pelas pessoas. Alguns recebem muitas mensagens, mas isto é uma minoria: somente 10% das pessoas receberam mais de 10 mensagens. A partir daí, calculou-se um índice de atratividade dos candidatos: mulheres asiáticas são mais atrativas entre os homens; homens brancos com pós-graduação são as preferencias das mulheres (a pesquisa foi feita nos EUA). Com base nisto, foi possível verificar que as pessoas tendem a mandar mensagens para outras com o mesmo índice de atratividade. Mas o desejo é conquistar uma pessoa com um índice melhor que o seu, muito embora o resultado final - igual ao casamento - geralmente é feito com pessoas com o mesmo índice.

A questão também foi tratada em um artigo recente da The Economist (Amor moderno, traduzido e publicado na edição impressa do Estado de S Paulo de 19 de agosto de 2018, p. A21). Para o periódico inglês, a internet tem transformado a procura do amor, assim como o resultado. São 200 milhões de pessoas que usam apps de namoro online e estes programas se tornando o mercado de namoro mais eficiente. É bem verdade que os números sugerem que 5% dos homens nunca conseguirão marcar um encontro, mas os resultados parecem melhores que a apresentação de amigos ou a ida a um bar, duas outras formas populares para encontrar um parceiro (a).

Uma pesquisa concluiu que nos EUA os casamentos entre pessoas que se conheceram pela internet têm probabilidade de durar mais; esses casais se dizem mais felizes do que aqueles que se conheceram offline. (...) evidências sugerem que a internet está fomentando os casamentos interraciais, contornando os grupos sociais homogêneos. Mas eles também estão mais aptos a escolher parceiros iguais a eles próprios [vide a pesquisa citada acima]

A presença e domínio de apps assusta alguns pela possibilidade de manipulação. Isto pode ser mais perigoso quando estas bases de dados ficarem mais dominantes.

Para ler mais: A matemática do amor, de Hannah Fry.

21 julho 2018

Rir é o melhor remédio

Enquanto isto, na internet:

Sorte
 Namorando nos tempos atuais
 Esporte realmente radical
 Política de Privacidade
Diferença entre uma tese e um parecer jurídico

22 abril 2018

Profissão e namoro

Pelo visto, ser contador/contadora não é algo "sexy", que garanta pontos em um namoro. De acordo com sítio de namoros Badoo (via aqui), usando uma amostra de cinco mil usuários entre 18 e 30 anos, os empregos mais “atrativos”:

Homens
1. Chef
2. Engenheiro
3. Empreendedor
4. Marketing
5. Artista

Mulheres:
1. Cabeleireira
2. Enfermeira
3. Advogada
4. Empreendedora
5. Professora

27 fevereiro 2016

Aplicativos de paquera

Uma consequência interessante do uso maior de aplicativos de paquera é

É possível que os aplicativos de paquera fortaleçam a tendência ao “acasalamento dirigido”, em que as pessoas optam por ter relacionamentos amorosos com indivíduos de renda e qualificação similares às suas. Estima-se que a tendência seja responsável por cerca de 18% do aumento na desigualdade de renda observado nos EUA entre 1960 e 2005. Estudo recente realizado na Coreia do Sul mostra que a paquera algorítmica estimula a formação de casais com mesmo nível de escolaridade.


(Cartoon: aqui)

15 janeiro 2014

Fotografias atrativas em sites de namoros

Segundo este site, existe uma série de pesquisas que mostram como o tipo certo de fotografia poderá ajudar homens e mulheres a atrair mais candidatos potenciais. As regras são as seguintes:

a) As mulheres atraem mais atenção quando a fotografia foi tirada dentro de casa. Mas o importante é o rosto estar visível.
b) É importante ter pelo menos uma fotografia de corpo inteiro.
c) As fotografias tiradas pelo próprio candidato (“selfies”) atraem mais atenção para o caso das mulheres. Mas menos para os homens.
d) Ser atraente ajuda muito
e) Sorrir também