Translate

28 agosto 2015

Leasing

Segundo notícia da Bloomberg (Dispute Erupts Over Alleged Impact of New Lease Rules) nos últimos dias a norma contábil do arrendamento aprovada pelo Fasb para se implantada nos Estados Unidos foi motive de questionamentos.

Recentemente o Fasb, em conjunto com o Iasb, propôs uma nova norma para a contabilidade do leasing. É bem verdade que as duas entidades não foram totalmente harmônicas na construção de um conjunto de regras. A filosofia destas normas é trazer para o balanço uma serie de operações de arrendamento que não eram reconhecidas e mensuradas pela contabilidade. Isto poderia trazer uma melhor evidenciação sobre a situação das entidades.

O problema é que a evidenciação pode gerar um aumento nos índices de endividamento das entidades, além de reduzir alguns índices de rentabilidade, em razão do aumento do ativo e do passivo. O setor de arrendamento, assim como alguns políticos dos EUA, acredita que isto poderia reduzir a atratividade das operações de arrendamento. A consequência seria uma redução no valor e número de contratos, com redução de empregos e crise no setor.

Em razão disto, os grupos de pressão tentam barrar a possibilidade das entidades reguladoras colocarem em vigor a norma aprovada. Correspondências trocadas nos últimos dias mostram um esforço neste sentido. Um dos argumentos é que o Fasb deveria fazer um estudo sobre os efeitos da norma sobre a economia. Alega-se que um estudo realizado em 2012 mostrou um grande impacto se a norma for aprovada, incluindo a redução no número de empregos. E que somente com outro estudo seria possível adotar a nova norma.

Nenhum comentário :

Postar um comentário