Translate

06 janeiro 2017

Eletrobras e Teles Pires

A Companhia Hidrelétrica Teles Pires deverá entregar aparelhos eletrônicos e celulares, documentos contábeis e outros solicitados pela Eletrobrás, que possui participação indireta, via Furnas e Eletrosul, na empresa. A Eletrobrás argumentou que precisava das informações para atender a seus auditores independentes para as demonstrações dos exercícios de 2014 e 2015. Como já se sabe, a Eletrobrás é uma das estatais envolvidas em escândalo de corrupção; além disto, possui ação negociada no exterior. Assim, a empresa estaria precisando da informação para estabelecer a dimensão da corrupção existente no setor elétrico.

A Teles Pires possui também como acionista uma subsidiária da Odebrecht. Inicialmente o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro deferiu liminar para a entrega das informações. A Teles Pires argumentou que a Eletrobrás estava tentando desviar o foco da investigação e que as informações poderia causar danos as atividades, podendo afetar a continuidade da prestação do serviço de geração de energia.

O Superior Tribunal de Justiça entendeu que o argumento da Teles Pires não procede ou não foi devidamente comprovado.

Nenhum comentário :

Postar um comentário