Translate

03 junho 2017

Fato da Semana: Multa da JBS de 10 bilhões

Fato: Multa da JBS de 10 bilhões

Data: 31 de maio

Contextualização - As negociações entre a JBS e a PGR começaram em fevereiro. As negociações começaram com uma proposta de 1,4 bilhão da JBS e 11,2 bilhões. No dia 22 de maio a PGR propôs 11 bilhões. Com a troca dos negociadores, a JBS finalmente concordou com 10,3 bilhões em 25 anos, a ser arcado pela holding, o protegeria os minoritários da empresa. O pagamento assegura o encerramento das investigações contra o grupo nas operações Greenfield, Sepsis, Cui Bono, Bullish e Carne Fraca. Do dinheiro, oito bilhões serão destinados entre Funcef (25%), Petros (25%), BNDES (25%), União (12,5%), FGTS (6,25%) e Caixa Econômica Federal (6,25%). O restante serão para projetos sociais.

Relevância - Trata-se do maior valor a ser pago por uma empresa num acordo de leniência no mundo. Ao concordar com o pagamento, a empresa concorda em colaborar com as investigações e em troca reduz as punições. O valor corresponde a quase 6% das receitas líquidas.

Notícia boa para contabilidade? Sim. A criação de mecanismos de punição de empresas que atuam contra as regras de mercado é um avanço para nosso capitalismo. Saber que as instituições estão funcionando também é positivo.

Desdobramentos - As punições não encerram aqui. Novos problemas poderão surgir nos processos dos minoritários, contra os auditores etc.

Mas a semana só teve isto? A semana foi muito movimentada: os problemas ambientais da Exxon, o novo parecer de auditoria nos EUA e a relação entre o Goldman e a Venezuela foram fatos alternativos da semana.

Nenhum comentário :

Postar um comentário