Translate

15 abril 2017

Fato da Semana: Toshiba

Fato: Toshiba divulga demonstrações sem o parecer do auditor

Data: 11 abril de 2017


Contextualização - A empresa Toshiba foi acusada de divulgar resultados com lucros superestimados no passado recente. Isto provocou uma mudança na sua gestão. A empresa que já tinha postergado a data de divulgação, resolveu apresentar seus números sem o parecer do auditor. O grande problema está num investimento na Westinghouse, uma empresa dos EUA que atua no setor nuclear, que está com dificuldades financeiras.

A empresa de auditoria, por desconfiar dos números, resolveu não assinar o parecer. Os prejuízos acumulados levantam a possibilidade da centenária empresa japonesa não ter condições de continuidade. Aparentemente a melhor chance é a venda de uma unidade de chips, que possui diversos interessados, inclusive a Apple.

Relevância
- A histórica empresa foi vítima das falhas nos controles internos e péssimas decisões dos gestores. No outro lado, a decisão da empresa de auditoria mostra que uma posição marcante, pode ter um grande peso.

A filial da Big Four decidiu não arriscar com um potencial problema jurídico.

Notícia boa para contabilidade? Sim. Assinar um balanço sem ter a certeza dos números é colocar em risco o nome da empresa de auditoria.

Desdobramentos - A Toshiba deve estar buscando apoio dos financiadores, ao mesmo tempo que tenta vender alguns ativos para melhorar sua posição. Mas o problema da Westinghouse parece ser de médio a longo prazo.

Mas a semana só teve isto?
Dois outros fatos importantes aconteceram na semana: a revelações da Odebrecht e a notícia de que algumas pessoas da KPMG dos EUA tinham informações sobre a inspeção do PCAOB.

Nenhum comentário :

Postar um comentário